quinta-feira, 21 de julho de 2011

"Você é a minha cura. Se é que alguém tem cura. Você quer que eu cometa uma loucura? Se você me quer! Cometa!" Zeca Baleiro



Ele pode ser quem não esquecerei, a face eterna do arrependimento, a conquista mais cara, o preço mais alto que pagarei. Ela pode ser a melodia do tempo que sei de cor, mas não cantei. Ele pode ser o anjo dos meus sonhos, sorrindo ao meu reflexo, mesmo quando o espelho não for o que esperei. Ela pode ser para sempre uma alegria na multidão, o olhar íntimo do meu olhar. Ele pode ser o amor que não foi feito pra durar, um amor do passado até o fim. Ela pode ser o motivo que me faz viver, imaginando que estou onde ela está, e o sentido de seja lá o que for que mora em mim.

1 comentários:

Moni Abrao disse...

Acabei de encontrar seu blog e posso dizer que me tornei fã! De verdade, gostei muito muito^^
Passei um tempão aqui lendo os textos, Parabéns!
Estou seguindo
Beijinhos

Postar um comentário

Faça um Blogueiro feliz, comente! rsrs ♥
Obrigado amores pelo carinho sempre constante.